BLOG

A algo de positivo, sempre há.

Meu pai tem 82 anos e minha mãe 71 anos, ambos isolados em Porto Alegre, desde o início da pandemia, saindo para o extremamente necessário e sem contato com praticamente ninguém.

Meus pais ambos aposentados sempre foram extremamente ativos, tinham viagem marcada esse ano, saíam todos os dias para passear, ir no cinema, mercado, exposições de arte, caminhavam diariamente no parque próximo da casa deles, saiam muito para jantar fora, ir nos shopping.

Podem imaginar como eles estão se sentindo trancados em casa há 9 meses?

Vou te contar que eles tem de sobra: motivação pessoal!

Desde o início da pandemia (e acho que por toda a vida) eles buscaram soluções e novos caminhos para os problemas deles.

Minha mãe esses dias me disse que agora no verão está melhor caminhar em casa, pois é mais fresquinho, sim eles fazem um circuito diário dentro do apartamento que moram, que estão vendo todas as sérias do Netflix, que nunca tinham assistido antes, e que conheceram vários restaurantes novos através da tela-entrega, além de receitas ótimas que andam se aventurando a fazer.

Sei que estamos todos cansados, muito cansados, que está mais difícil do que nunca enfrentar esse ano, eu pessoalmente já tive diversos momentos que me abalei muito, que pensei porque estamos passado por essa pandemia? Até quando eu vou aguentar? Mas é possível sim tirarmos algum tipo de proveito de tudo isso, de aprendizado, criar coisas diferentes e de alguma forma aproveitarmos esse momento.

Tente achar algo que você nunca teria a oportunidade de fazer, em tempos normais, que seja morar no interior, de acordar os filhos e almoçar com eles, de refletir quantas vezes podia ter ido visitar seus pais e não o fez e mudar isso quando for possível, de ligar para alguém, de ajustar algo na sua empresa que nunca dava tempo e agora se tornou imprescindível, de fazer uma boa ação, de finalmente organizar algo em casa, de começar a fazer exercício, um projeto voluntário.

Muitas vidas foram perdidas, empregos, há muita tristeza no ar, não estou aqui para dizer que a pandemia foi boa, mas sim que para tudo há dois lados, prós e contras, copo cheio e copo vazio, alternativas, que depende de nós sabermos a perspectiva que queremos olhar, aonde queremos chegar, a energia que vamos emanar e o nosso modo de encarar os fatos.

Pense com carinho, certeza que você vai encontrar.

 

Compartilhe conhecimento

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Nascida em 2010 como um pequeno escritório de design e gerenciamento de projetos, hoje a Exhimia é uma das principais referências em planejamento, gestão e execução de soluções para o ambiente do varejo.

Com fábrica e frota própria, produzimos, enviamos e instalamos os nossos materiais em todo o Brasil.

Nossa abordagem holística e especializada, que alia inovação com senso prático, criatividade com embasamento técnico e agilidade com cuidado aos detalhes hoje é seguida e engrandecida pela inspiração, dedicação e disciplina de uma equipe de mais de 50 profissionais, todos altamente capacitados e prontos para qualquer desafio.

Nesse ano de 2021 completamos 11 anos de história e durante esse período fomos responsáveis por projetos e lançamentos de produtos para grandes marcas nacionais e internacionais como Amazon, Motorola, LG, Claro, JBL, Coty, Cimed, Grupo Boticario, Walmart, Via Varejo, entre outros.

Em virtude do momento atual mundial criamos um núcleo focado em atender a demanda de produtos para casa Exhimia Home, além dos equipamentos de segurança para conter a pandemia de Coronavirus, porém, seguimos atendendo as demandas de expositores, quiosques e mobiliários, que é nosso foco principal.

Podemos te ajudar a se proteger e melhorar a experiência da sua marca no retorno das atividades, bem como na sua casa.

Conte com a Exhimia. Cuide-se!

Este site utiliza cookies

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego.